Publicidade

Linha do Tempo

Esta é a linha do tempo interativa do Paraná Clube. Nela você encontra nossas memórias em texto, áudios, fotos e vídeos que marcaram décadas. É um museu virtual que emociona e preserva nosso maior bem, a história do Paranismo.

Os anos que construíram o nosso legado serão revelados aqui a cada 15 dias.

Em um almoço que aconteceu no bairro Santa Felicidade, ainda em 1988, os dirigentes de Colorado e Pinheiros deram início ao processo de união que fez nascer o Paraná Clube. Como uma família, reunidos à mesa, eles definiram o nome da nova instituição, suas cores, símbolos e slogan. Num modesto e agora histórico guardanapo foi simbolicamente registrado o surgimento de um dos maiores clubes do Brasil.

O time do povo nasce de forma simples e eficaz para se tornar “a grande potência do Sul”.

A ideia foi se lapidando com o tempo, a gralha-azul e a araucária (símbolos do Estado do Paraná), foram anexadas à marca. O hino do clube foi composto seguindo os slogans dos dois antepassados: “o poder da realização”, do Pinheiros; e “a alegria do povo”, do Colorado. A Vila Capanema, antes patrimônio colorado, foi definida como local oficial dos jogos. Já a Sede Kennedy, herança pinheirense, como sede oficial. Depois disso o processo de oficialização ganhou corpo e concretizou o plano.

Era 19 de dezembro de 1989 quando 100 conselheiros deixaram de ser colorados e pinheirenses em nome de uma causa maior; quando duas agremiações formaram uma nação: a nação paranista.

PRimeiro título da nossa história

Ednelson marcou o gol que nos deu o título de Campeão Paranaense. Foi o primeiro da nossa história!

Campeão Brasileiro pela primeira vez

Calamos uma Fonte Nova lotada, vencemos o Vitória com um gol de Saulo e nos tornamos Campeões Brasileiros da Série B.

O começo da hegemonia no estado - Campeão Paranaense

Jogando contra o Matsubara, na Vila Capanema, vencemos por 3x1 e conquistamos o título de Campeão Paranaense. O segundo título paranaense da história!

Paraná Clube, Bicampeão Paranaense!

Jogando na Vila Olímpica do Boqueirão, vencemos o Londrina por 1x0, com gol de Ney Junior, e conquistamos o bicampeonato paranaense.

Tricampeão! Tricampeão!

Aquele chute do meio da rua de Denilson, que entrou na gaveta e nos deu o Tricampeonato, no Pinheirão. Inesquecível!

1996, o ano do Tetracampeonato paranaense!

Tetracampeão Paranaense: vitória sobre o Coritiba por 1x0, gol de Ricardinho. O Couto Pereira era nosso!

1997, Paraná Clube é Pentacampeão Paranaense!

Vitória em cima do União Bandeirante na Vila Olímpica e mais um título para o Tricolor da Vila. Conquistamos o Pentacampeonato Paranaense. Caio Junior (2) e Ricardinho marcaram.

Fim do jejum: voltamos a conquistar o título paranaense!

Após 9 anos sem conquistar o Campeonato Paranaense, voltamos a soltar o grito de "CAMPEÃO", contra a Adap, num Pinheirão lotado. Marcelinho, de falta, fez o gol do título.

Primeira Libertadores da América

E em 2007 disputamos pela primeira vez a Libertadores da América, chegando às Oitavas de Final do torneio. Nossa vaga foi conquistada depois de terminar o Campeonato Brasileiro de 2006 em 5º lugar e eliminar na fase pré-Libertadores a equipe do Cobreloa (Chile).

Volta à elite do futebol brasileiro!

Após 10 anos longe da elite do futebol brasileiro, lutamos juntos e voltamos à Série A!

Publicidade

Newsletter