Árbitro erra, Botafogo vence

Novo erro de arbitragem tira resultado dos meninos da Vila. Botafogo:2x1
Na despedida de Jefferson, Paraná sofre nova derrota.
Irapitan Costa

Teve até golaço de Alex Santana. Mas, novamente um gol “polêmico” impediu que o Paraná Clube pontuasse no Campeonato Brasileiro. O Tricolor perdeu por 2x1 para o Botafogo, no estádio do Engenhão. Dado Cavalcanti lamentou o lance, mas elogiou a atitude da equipe, que em muitos momentos dominou – e encurralou – o adversário. No fim-de-semana, o clube faz a última partida em casa nesta Série A, diante do Internacional, na Vila Capanema.

O jogo desta segunda-feira (26) marcou a despedida do goleiro Jefferson do futebol. Quase 30 mil pessoas foram ao Engenhão para saudar o ídolo. Neste clima, o Botafogo abriu o placar logo aos 6 minutos. No cruzamento de Moisés, Erik ganhou da zaga e, de cabeça marcou 1x0. Mas, o Paraná não se assustou com o gol e em boas investidas de Jhonny Lucas, quase chegou ao empate.

Aos 16 minutos, ele tabelou com Andrey e bateu cruzado para a defesa de Jefferson. Pouco depois, Jhonny recebeu na entrada da área, tirou seu marcador, mas adiantou demais a bola e permitiu o corte da zaga. O Paraná estava melhor no jogo e aos 31 foi a vez de Alex Santana fazer a jogada pela direita e bater cruzado, à procura de Andrey. Só que a zaga, mais uma vez chegou afastando o perigo.

O Tricolor manteve o ritmo no segundo tempo e quase empatou aos 11 minutos, quando Juninho cruzou e Jhonny Lucas não chegou a tempo para conferir. Aos 19, veio a pintura do jogo. O Paraná pressionou e Juninho tocou a bola para Alex Santana. Na entrada da área, ele limpou a marcação e mandou, de canhota, no ângulo direito. Jefferson nada pôde fazer: 1x1.

Os treinadores começaram, então, a mexer nos times. Só que aos 29 minutos, o Botafogo voltou a ficar em vantagem. Num gol irregular. No cruzamento da esquerda, Brenner – impedido – fez o corta luz e a bola sobrou para Erik mandar para a rede: 2x1. O bandeira sequer correu para o meio-campo, mas o gol foi confirmado por Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG). O Paraná seguiu tentando, mas não conseguiu reverter o placar.

 

Botafogo 2x1 Paraná Clube

Botafogo: Jefferson; Marcinho, Igor Rabello, Marcelo Benevenuto e Moisés; Rodrigo Lindoso, Gustavo (João Paulo) e Léo Valencia (Marcos Vinícius); Luiz Fernando (Rodrigo Pimpão), Brenner e Erik. Técnico: Zé Ricardo.

Paraná: Richard; Wesley Dias, Jesiel, Charles e Igor; Leandro Vilela, Alex Santana e Jhonny Lucas (Alesson); Keslley (Felipe Augusto), Andrey e Juninho (Rafael Grampola). Técnico: Dado Cavalcanti.

Local: Engenhão (Rio de Janeiro-RJ)

Árbitro: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)

Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Ricardo Junio de Souza (MG)

Renda: R$ 301.970,00

Público pagante: 27.660

Público total: 28.972

Gols: Erik aos 6’ do 1º tempo. Alex Santana aos 19’ e Erik aos 29’ do 2º tempo.

Cartões amarelos: Alex Santana, Leandro Vilela e Wesley Dias (Paraná). Brenner e Léo Valencia (Botafogo).

 

Departamento de Comunicação - PRC