Comum acordo

Rogério Micale deixa o comando do Paraná Clube, após 18 jogos no Brasileirão
Rogério Micale não é mais o técnico do Paraná Clube.
Foto: Geraldo Bubniak

Rogério Micale não é mais o técnico do Paraná Clube. A decisão foi tomada na noite desta terça-feira (14), em uma reunião entre o comando do Departamento de Futebol, o Presidente e o treinador. Num comum acordo entre as partes, Micale deixa o cargo. “A decisão é pelo bem do clube. Saio chateado por não ter conseguido os resultados, mas na certeza de ter feito um bom trabalho”, disse. Rogério Micale comandou o Tricolor em 24 jogos – entre Campeonato Paranaense e Brasileirão –, com aproveitamento de 38,89%.

No Brasileiro da Série A, foram 18 jogos sob o comando de Micale. “Nossos números, de uma forma geral, não são ruins. Na grande maioria dos jogos, tivemos posse de bola, troca de passes, finalizações. Mas, sei que futebol, no final, se resume a bola na rede”, explicou Micale. Em 20º lugar, o Tricolor terá o ultimo jogo do turno contra o Inter, no próximo domingo, e todo o segundo turno para tentar mudar esse cenário. Além de Rogério Micale, também deixa o clube o auxiliar-técnico Fabinho Santos.

Foram cinco meses e meio de uma relação muito próxima entre o treinador e o comando do Paraná, desde a disputa do Paranaense. “Não foi uma mudança simples. Conversamos muito durante todo o dia e, em conjunto, decidimos que esta é a hora de uma troca, pensando acima de tudo no clube. Mas, por tudo o que fez, o Micale terá sempre o nosso respeito e portas abertas no Paraná Clube”, concluiu o presidente Leonardo de Oliveira.

 

Departamento de Comunicação - PRC