É hoje!

Text Resize

-A +A
Paraná Clube encara o Internacional, na Arena da Baixada
Último treino do Tricolor, no local da partida
Irapitan Costa

O Paraná Clube tem pela frente nesta terça-feira (03) o seu jogo mais importante do ano. Um bom resultado diante do líder Internacional-RS vale a permanência no G4 do Campeonato Brasileiro da Série B. De quebra, o Tricolor fará um jogo histórico, com a Arena da Baixada completamente tomada de azul, vermelho e branco. A campanha “Cale Quem Duvida” foi um absoluto sucesso e em menos de 48 horas o torcedor paranista esgotou a carga de ingressos a ele destinada.

“É reflexo de tudo o que vem acontecendo com o Paraná nesta temporada”, resumiu o técnico Matheus Costa. “O time está em perfeita sintonia com a torcida e essa união de forças tem feito a diferença. Agora, vamos transportar essa energia da Vila para a Arena”. Nos últimos dias, o Tricolor realizou seus treinamentos no estádio Joaquim Américo, já buscando uma melhor adaptação ao piso sintético. No geral, só elogios à condição de jogo que o Paraná terá diante do Internacional.

“Temos um grupo jovem, mas que sabe aonde quer chegar. Estamos focados nessa partida. Um jogo difícil contra o melhor time desta Série B. Mas, os nossos números são também muito bons”, lembrou o meia João Pedro. Paraná Clube – com 19 pontos – e Inter – com 21 – são as duas melhores equipes do returno. “Sabemos que o que vale é a classificação geral. Mas, isso mostra o momento do time. A derrota em Florianópolis já ficou pra trás e, agora, o foco é todo nessa partida emblemática”, avisou o treinador paranista.

A única baixa para este confronto está no meio-campo. Leandro Vilela teve uma lesão muscular diante do Figueirense e a provisão é de 30 a 40 dias para o seu retorno. Matheus tem algumas opções para o setor: Jhony, Luiz Otávio, Vinícius Kiss e Zezinho seriam algumas das alternativas, mudando pouco a estrutura do time, mas variando bastante a partir da característica de cada um. No ataque, o Paraná ganha o retorno de Robson. Após cumprir suspensão, ele passa a ser mais uma opção ofensiva, disputando com Vitor Feijão um lugar no time.

Retrospecto

Paraná Clube e Internacional já se enfrentaram 34 vezes ao longo da história, pelas Séries A e B do Brasileiro, Copa do Brasil, Copa Sul e Sul-Minas. No geral, a vantagem é do Tricolor, com 14 vitórias contra 12 do Colorado. Foram registrados 8 empates. São 46 gols do Tricolor, contra 40 do time gaúcho. No primeiro turno os times empataram sem gols em Porto Alegre.

Apito

O jogo desta noite terá um trio de arbitragem paulista. Leandro Bizzio Marinho apita, assistido por Daniel Paulo Ziolli e Daniel Luiz Marques. O quarto árbitro será o paranaense Lucas Paulo Torezin.

 

Departamento de Comunicação - PRC