Mais três pontos

Text Resize

-A +A
Paraná faz 1x0 e mantém regularidade na Vila
Jogadores abraçam Renatinho: 1x0.
Robson Mafra

O Paraná Clube fez a lição de casa. Venceu – por 1x0 – o Ceará-CE neste sábado (01) e novamente se aproximou do G4 do Campeonato Brasileiro da Série B. Num jogo “apertado”, com poucas oportunidades, o Tricolor venceu com um gol de pênalti, no início do segundo tempo. Na próxima rodada, o time do técnico Cristian de Souza volta o jogar na Vila Capanema, contra o América Mineiro.

O Tricolor iniciou a partida com apenas duas mudanças em relação a ultima partida: Júnior e Wallace nas vagas dos suspensos Cristovam e Eduardo Brock. Mas, diante de um adversário bem postado, o Paraná teve grandes dificuldades para propor o jogo. “É uma característica desse Brasileiro. Todos os times se fecham muito, congestionam o meio-campo e não é fácil encontrar espaços”, ponderou Cristian de Souza.

Com dificuldades ofensivas, o Paraná ainda sofreu na defesa. Destaque para o goleiro Richard, que por duas vezes salvou o Tricolor. No primeiro lance, aos 24 minutos, Roberto chutou duas vezes e Richard impediu, com muito reflexo, o gol cearense. Aos 37, mais uma vez Roberto ficou frente a frente com o goleiro, mas Richard encurtou o espaço e fez a defesa.

O Paraná, a rigor, só chegou duas vezes à meta do Vozão. Aos 35 minutos, Felipe Alves roubou a bola, avançou, tirou o zagueiro da jogada, mas na hora do arremate foi interceptado por Richardson. No final, Renatinho arriscou de longe e o goleiro Éverson defendeu “de manchete”, mandando a bola pela linha de fundo.

Com os ajustes no intervalo, o Paraná voltou melhor. E logo aos 6 minutos chegou ao gol. Após escanteio, Gabriel Dias foi tocado por Pedro Ken e o árbitro assinalou pênalti. Renatinho, hoje capitão do time, bateu no alto, sem chance de defesa: 1x0. Pouco depois, Felipe Alves teve a chance de matar o jogo. No cruzamento de Igor, o atacante dominou e bateu cruzado, mas pra fora.

O jogo seguiu truncado, mas o Ceará já não conseguia penetrar na marcação paranista. Aos 44, Robson, de fora da área, bateu com categoria, mas Éverson espalmou pela linha de fundo. Nos acréscimos, Nathan e Romário foram expulsos após trocarem empurrões. E ficou nisso: Paraná 1x0, resultado que levou o Tricolor à 7ª colocação.

 

Paraná Clube 1x0 Ceará

Paraná: Richard; Júnior, Wallace, Rayan e Igor; Leandro Vilela, Gabriel Dias e Renatinho (Jhony); Robson, Felipe Alves (Rafhael Lucas) e Minho (Nathan). Técnico: Cristian de Souza.

Ceará: Éverson; Tiago Cametá, Rafael Pereira, Valdo e Romário; Raul (Wallace Pernambucano), Richardson, Ricardinho e Pedro Ken (Rafael Carioca); Roberto (Cafu) e Magno Alves: Técnico: Marcelo Chamusca.

 

Local: Durival Britto (Curitiba-PR)

Árbitro: Marcos Mateus Pereira (MS)

Assistentes: Leandro dos Santos Ruberdo (MS) e Cícero Alessandro de Souza (MS)

Renda: R$ 79.260,00

Público pagante: 4.130

Público total: 4.170

Gol: Renatinho (pênalti) aos 6’ do 2º tempo

Cartões amarelos: Richard, Leandro Vilela e Felipe Alves (Paraná). Raul e Pedro Ken (Ceará)

Expulsões: Nathan e Romário, aos 46 do 2º tempo

 

Departamento de Comunicação - PRC