Pra embalar

Paraná Clube encara o Rio Branco, em Ponta Grossa, nesta quarta-feira
Thiago Santos: objetivo é seguir balançando as redes.

 

O Paraná Clube encerra nesta quarta-feira (14) a sua participação na Taça Dionísio Filho, primeira fase do Campeonato Paranaense. Sem chances de classificação às semifinais, o Tricolor busca apenas melhorar sua posição na classificação geral da competição. Para o técnico Wagner Lopes, é chance de o grupo confirmar a evolução vista na vitória sobre o Prudentópolis, já mirando a decisão da semana que vem, frente ao Sampaio Corrêa, pela Copa do Brasil.

Wagner Lopes preferiu manter sigilo sobre a equipe que estará em campo. É certo, porém, que não contará com o atacante Lucas Fernandes. Com um desconforto muscular na coxa esquerda – ele foi substituído no início do 2º tempo, frente ao Prude – o jogador foi vetado pelo departamento médico e não seguiu com a delegação para Ponta Grossa. O jogo frente ao Rio Branco, às 21h45, será no estádio Germano Kruger por opção do time parnanguara, devido a problemas no sistema de iluminação da Estradinha.

“Todo jogo é decisivo. Temos que entrar em campo para dar o melhor, sempre”, avisou Wagner Lopes. “Mostramos uma boa evolução na última partida. Agora é ter um desempenho daí para melhor”. O fato de jogar em um estádio vazio não pode, na visão do treinador, interferir na produção do time. “O que motiva a ação deve vir de dentro. Temos que estar mentalmente fortes para fazer um bom jogo, não deixando que fatores externos atrapalhem”, concluiu o treinador. Será o último teste da equipe antes de enfrentar o Sampaio, na quinta-feira (22), em São Luís do Maranhão.

Histórico

O Paraná Clube leva ampla vantagem diante do Rio Branco. Em 34 jogos disputados, são 22 vitórias, 5 empates e apenas 7 derrotas. São 53 gols marcados e apenas 26 sofridos. Duas dessas derrotas ainda ocorreram na Copa Sesquicentenário, em 2003, competição que o Tricolor utilizava uma equipe alternativa.

Apito

O jogo desta noite terá a arbitragem de Élvio Kertelt Legnani. Ele será assistido por Alessandro Antônio Gonçalves e Giovani Marlus de Oliveira Massoquetto. O quarto árbitro será Júlio César Tessaro.

 

Departamento de Comunicação - PRC