Pra esquentar a Vila!

Text Resize

-A +A
Paraná quer casa cheia e abraça Campanha do Agasalho 2017

Os ingressos para Paraná x Guarani já estão à venda nas sedes Capanema e Kennedy. O jogo será, mais uma vez, realizado com a parceria do empresário Naor Malaquias e com várias promoções para a torcida tricolor. “Nossa decisão é sábado. Em campeonato por pontos corridos é assim. Por isso, precisamos do apoio da nossa torcida, que já deu a demonstração de sua grandeza no jogo frente ao Atlético Mineiro”, disse Malaquias.

O clube, em parceria com Prefeitura de Curitiba e a Fas (Fundação de Ação Social), estará disponibilizando postos de coleta para a doação de roupas e cobertores para a Campanha do Agasalho 2017. Quem doar um agasalho irá concorrer a uma camisa autografada pelo meia-atacante Guilherme Biteco, que também esteve presente no evento desta manhã, na Sede da Kennedy. “O esporte sempre deve andar lado a lado com ações sociais. Acredito que o nosso torcedor vai comparecer e ajudar o clube e também essa campanha”, disse Biteco.

Na coletiva, Naor Malaquias destacou a força da torcida do Paraná, evidenciada pelos quase 20 mil paranistas que foram ao Couto Pereira na partida diante do Galo. “Agora, o Paraná está voltando para sua casa. Vamos lotar a Vila Capanema e fazer uma grande festa, também ajudando os necessitados”, disse. Estiveram presentes ao evento o prefeito em exercício Eduardo Pimentel; o Secretário Municipal do Esporte, Lazer e Juventude, Marcello Richa; e a presidente da Faz, Larissa Tissot.

Pai-e-Filho

Além da Campanha do Agasalho, o Paraná Clube também definiu os valores dos ingressos, com o torcedor vestindo as cores do Tricolor pagando meio-ingresso em qualquer setor, e a volta do Setor Pai-e-Filho. “Esta sempre foi uma tradição no Paraná. Estamos resgatando essa modalidade de ingresso, esperando ver o setor das sociais repleto de famílias, dando uma especial atenção às futuras gerações de paranistas”, disse o vice-presidente do clube, Christian Knaut.

O ingresso para Setor Pai-e-Filho custa R$ 50,00 e o pai pode entrar com seu filho acima de 6 anos no setor das sociais. A modalidade premia mães e filhas ou pais e filhas também. “Caso vá com dois filhos, por exemplo, o torcedor paga apenas R$ 25,00 pelo filho a mais”, explicou Knaut. “Sei que últimos resultados não foram aqueles que o nosso torcedor sonhava. Mas, vamos atrás dessa vitória. O grupo já mostrou a sua força e com o apoio da galera, fica muito melhor jogar na Vila”, arrematou Biteco, chamando a torcida pro estádio.

 

Valores dos ingressos:

Guerreiro (a) da Curva:  R$ 50,00 / meia R$ 25,00

Força da Reta: R$ 60,00 / meia R$ 30,00

Arquibancada Valente das Sociais: R$ 70,00 / meia R$ 35,00

Cadeira Valente das Socias: R$ 90,00 / meia R$ 45,00

Cativa Valente das Socias: R$ 50,00

Camarote Tricolor: R$ 70,00 / meia R$ 35,00

 

Venha pra Vila! Faça a diferença!

 

Confira os horários de venda:

Quinta

Kennedy: até às 20h

Capanema: até às 17h

Sexta

Kennedy: das 10h às 20h

Capanema: das 9h às 17h

Sábado

Kennedy: das 10h às 13h

Capanema: das 9h até a hora do jogo

 

Quem tem direito à meia-entrada?

- Crianças de 6 a 12 anos.

- Doadores de sangue (última doação até 6 meses atrás).

- Portadores de deficiência e acompanhante.

- Professores (com carteirinha de professor ou algum outro comprovante).

- Estudantes (com carteirinha e documento com foto).

- Pessoas acima de 60 anos.

- Torcedores vestindo camisas nas cores do Clube

- Integrante do Clube do Assinante da Gazeta do Povo

 

Departamento de Comunicação - PRC