Tudo igual no Boqueirão

Text Resize

-A +A
Paraná Clube e Atlético ficam no empate no Sub-15 e Sub-17
Sub-15 teve boas chances com o atacante Nonato.
Irapitan Costa

O Paraná Clube ficou no empate com o Atlético-PR nos jogos realizados neste sábado (26) pelo Campeonato Paranaense nas categorias Sub-15 e Sub-17. Os confrontos foram realizados na Vila Olimpica do Boqueirão. Já classificado para a próxima fase, o Tricolor busca a melhor colocação, de olho no chaveamento da segunda fase da competição.

No primeiro jogo da manhã, o time Sub-15 ficou no 0x0 com o Rubro-Negro. O Tricolor teve boas oportunidades, mas não conseguiu balançar as redes. Nonato, aos 13 minutos, teve uma chance incrível, mas o goleiro fez a defesa no primeiro lance e, na sequência, a zaga salvou sobre a linha fatal.

O centroavante Nonato ainda teria uma grande oportunidade, mas o goleiro conseguiu salvar, aos 17 minutos. O Paraná jogou com Gabriel; Rhuan, Rayan, Vialle e Pablo (Raimar); Felipe Villa, Ryan, Leonardo e Lucas Meiado (Makill); Nonato e Felipe Cruz. O Tricolor chegou aos 25 pontos, três a menos que o líder Coritiba. Na última rodada, o jogo será contra o Renovicente, no próximo sábado (02).

Empate no fim

No segundo jogo, o Paraná esteve perto da vitória, mas ficou no 1x1 com o Atlético-PR, pelo Paranaense Sub-17. No primeiro tempo, o Tricolor abriu o placar aos 14 minutos. Na jogada de Lucas Sene, o meia bateu para o gol, mas o gol foi contra, do zagueiro Victor.

O jogo foi muito disputado. Aos 33 minutos, o goleiro Murillo Lopes foi atingido pelo volante atleticano em uma disputa de bola. Houve uma grande confusão, com direito a 11 expulsões. Além dos técnicos Nem e Marcão, o árbitro Andrei da Silva mostrou o cartão vermelho para cinco jogadores do Atlético e quatro do Paraná.

Com a briga controlada – após 20 minutos de paralisação – o Atlético chegou ao empate em uma cobrança de falta. No final, 1x1. O Paraná jogou com Murillo Lopes; Hugo Rangel, Vitor Hugo, Carlos e Vitinho (Luisinho); Fernando Bocayuva, Sacoman, Lucas Tadeu (Thiago) e Matheus Willians (Yago); Lucas Sene e Andrey.

 

Departamento de Comunicação - PRC